Sacos da marca Ziploc® da SC Johnson

Reciclagem de sacos Ziploc®: aproximando as comunidades da reciclagem residencial de películas plásticas

“Durante décadas, trabalhamos para reduzir nossa pegada ambiental. É assim que somos. É assim que operamos. E os sacos de reciclagem da Ziploc® são apenas mais um exemplo”. – Fisk Johnson, Presidente do conselho e CEO da SC Johnson
Ao desenvolver produtos, a SC Johnson não pensa apenas em atender às necessidades das pessoas, mas também em preservar o planeta.
Aqui está uma estatística desanimadora: há mais de 18.000 lojas nos Estados Unidos que atualmente aceitam sacos da marca Ziploc® e outros itens de película plástica para reciclagem. Mas somente cerca de 4% da película plástica é reciclado a cada ano. 
 
Como uma empresa que se preocupa muito em reduzir a quantidade de resíduos, esta é uma estatística que realmente queremos mudar. Sabemos que a melhor forma de aumentar as taxas de reciclagem é tornar os programas de reciclagem práticos e acessíveis, e é por isso que estamos trabalhando para tornar a reciclagem residencial da película plástica uma realidade.  Estamos estabelecendo parcerias com comunidades nos Estados Unidos para aceitar a película plástica em seus programas de reciclagem residencial e anunciamos o início do nosso primeiro programa de parceria em 2019.

A partir de novembro de 2019, os moradores de Bradley Beach, em Nova Jersey, poderão reciclar sacolas plásticas, película plástica e plástico filme diretamente em sua lixeira de reciclagem residencial. O programa piloto, criado pelo distrito de Bradley Beach em parceria com a SC Johnson, é o primeiro programa de reciclagem residencial de película plástica do estado. Até o momento, os moradores tinham que reciclar a película plástica por meio de programas de devolução em lojas. 

O programa oferece uma opção mais prática aos consumidores e ajudará a aumentar as taxas de reciclagem. Como parte da parceria, a SC Johnson ofereceu materiais educativos à comunidade, bem como financiou um veículo de coleta e lixeiras de reciclagem residencial.

Depois que a película plástica for coletada, o Departamento de Obras Públicas de Bradley Beach (DPW) venderá o filme a um comprador final para ser reciclado em novos produtos.

Facilitar a reciclagem do plástico para os consumidores é uma das melhores maneiras de reduzir a quantidade de resíduos. Estamos orgulhosos de nos juntar à Bradley Beach neste esforço e agradecemos a comunidade por sua liderança. Espero que este seja o primeiro de muitos programas piloto nos EUA.
Fisk Johnson, Presidente do conselho e CEO da SC Johnson
Embora o programa de Bradley Beach seja novo, nosso compromisso com a reciclagem não é.

Os sacos da marca Ziploc® são um excelente exemplo – durante anos, pesquisamos formas de melhorar a reciclagem e a reutilização desses produtos. Nosso foco inicial foram os Estados Unidos, nosso maior mercado para os sacos. 
 
Com nossas pesquisas, descobrimos que para realmente melhorar os padrões de reciclagem, era preciso solucionar dois problemas. 
 
Primeiro, precisávamos de um mercado valioso para a película plástica após sua reciclagem. Com isso, seria possível expandir os programas que facilitam a reciclagem. Segundo, embora os sacos da marca Ziploc® já fossem recicláveis, nosso objetivo máximo era fazer com que eles pudessem ser incluídos na reciclagem residencial em toda a parte. Isso tornaria a reciclagem mais conveniente e, com sorte, aumentaria os adeptos da prática.
Durante décadas, trabalhamos para reduzir nossa pegada ambiental. É assim que somos. É assim que operamos. E os sacos de reciclagem da Ziploc® são apenas mais um exemplo.

Fisk Johnson, Presidente do conselho e CEO da SC Johnson

Uma prioridade é reinventar a película plástica usada em algo realmente utilizável, porque sabemos por experiência própria que, se a identificação de novas oportunidades para plásticos reciclados for possível, haverá oportunidades para uma reciclagem prática. 
 
Na Europa, o equipamento para lavar película plástica suja já é amplamente usado. Isso é importante porque uma das maiores barreiras para a reciclagem residencial é que a película plástica misturada no lixo reciclável tende a ficar suja, reduzindo o valor do mercado final. Na verdade, atualmente a maior parte das instalações de reciclagem nos Estados Unidos retira a película plástica do fluxo de reciclagem e a envia diretamente para os aterros. 
 
Mas existe uma solução. Na Europa, a película plástica suja está sendo lavada e transformada em granulados, os quais podem ser derretidos para outras reutilizações. Baseando-se nesse conceito, nos Estados Unidos iniciamos um programa piloto com um parceiro de reciclagem e um fabricante de sacos de lixo, que pode usar os granulados de plástico reciclado para fazer sacos de lixo. 

A partir de janeiro de 2019, eles estarão disponíveis para compra na Amazon.com. Eles são os primeiros sacos de lixo feitos com película plástica pós-consumo integralmente reciclada, incluindo os sacos de Ziploc® coletados através de um centro de reciclagem dos EUA.

Conforme continuamos a explorar as tecnologias e oportunidades de reciclagem de plástico, nos animamos com a possibilidade de evitar que toneladas de película plástica cheguem aos aterros sanitários. E temos confiança de que vamos chegar lá.

Esta não é a primeira vez que a SC Johnson deu início a uma transformação na reciclagem. Na década de 1990, lideramos uma liga da sociedade civil para promover a reciclagem de latas de aço, como as latas de aerossol que contêm muitos de nossos produtos. Em 2016, mais de 222 milhões de pessoas nos Estados Unidos já tinham acesso à coleta seletiva na rua ou outras formas de reciclagem de latas de aerossol. 

De modo semelhante, na Argentina, no Chile e no Uruguai, criamos um programa de reciclagem inovador que aumentou a eficiência da reciclagem de latas de aerossol, ao mesmo tempo em que também proporcionou um melhor ambiente de trabalho para os funcionários nas instalações de tratamento de lixo. 

Nossos sacos da marca Ziploc® facilitam a vida de milhões e milhões de famílias. Ao aumentar a reciclagem desses produtos, eles se tornam ainda mais importantes. Por isso, pode contar que continuaremos trabalhando até que a reciclagem seja algo conveniente para todos. Por sua vez, esperamos que você aproveite a oportunidade de reciclar sacos e outras embalagens em sua casa.
Aqui está uma visão geral de outras formas que a SC Johnson está trabalhando para reduzir os resíduos plásticos.

  • Noventa e quatro por cento das embalagens plásticas da SC Johnson agora são projetadas para serem recicláveis, reutilizáveis ou compostáveis em relação a 90% do ano fiscal de 2017/18. A meta é que elas passem a representar 100% da produção até 2025.
  • A SC Johnson utiliza frascos de plástico totalmente reciclado pós-consumo (PCR) em várias linhas de produtos e, em 2019, lançou o primeiro frasco feito 100% com plástico retirado dos oceanos utilizando resíduos plásticos que estavam a uma distância de até 50 km do oceano ou hidrovia em países sem infraestrutura de coleta de resíduo formal.
  • A empresa deixou de utilizar mais de 1,7 milhão de quilos de plástico em suas embalagens principais durante o ano fiscal de 2018/2019.

Juntos, podemos ajudar a proteger o planeta para as próximas gerações.


ReciclagemReciclagem de sacos Ziploc®: aproximando as comunidades da reciclagem residencial de películas plásticas

Comunicado de imprensaSC Johnson Accelerates Progress Boosting Plastic Recycling and Reuse

Comunicado de imprensaSC Johnson Accelerates Progress Boosting Plastic Recycling and Reuse

Produtos com propósitoSacos plásticos compostáveis Ziploc® colaboram com a compostagem do município e reduzem os resíduos em aterros sanitários

Produtos com propósitoSacos plásticos compostáveis Ziploc® colaboram com a compostagem do município e reduzem os resíduos em aterros sanitários

PlásticoPlástico nos oceanos: a SC Johnson combate a poluição plástica na Indonésia enquanto ajuda famílias

Próximo

Próximo

Próximo