Acabar com o desperdício de plástico: a SC Johnson está comprometida em aumentar a reutilização de plástico e acabar com a poluição de plástico

A SC Johnson é signatária inicial do New Plastics Economy Global Commitment, juntamente com a Fundação Ellen MacArthur.
“Medimos o nosso sucesso não pelo relatório financeiro do trimestre seguinte, mas pelo mundo que deixamos para a próxima geração.” – SC Johnson
Esperamos que saiba que a SC Johnson tem um compromisso de longa data para com o ambiente, optando sempre por fazer o que é certo para o planeta. Desde o programa de seleção de ingredientes aos esforços contínuos para minimizar a pegada ambiental, levamos muito a sério a responsabilidade de deixar um mundo melhor para as gerações futuras. 

Não tem a ver apenas com o modo como trabalhamos, mas também com o modo como o fazemos. Em 2018, demos mais um passo no sentido de assegurar a responsabilidade pelos nossos produtos, ao juntarmo-nos a uma coligação de empresas e governos no combate à crescente crise global da poluição de plástico.

O nosso presidente e diretor-geral, Fisk Johnson, foi um dos poucos diretores-gerais escolhidos para assinar o The New Plastics Economy Global Commitment, liderado pela Fundação Ellen MacArthur em colaboração com o UN Environment, que estabelece uma visão comum para empresas, para ajudar a criar uma economia circular para os plásticos. 
Juntamente com a Fundação Ellen MacArthur e outras organizações mundiais, estamos a assumir compromissos ambiciosos e a adotar ações comuns para criar uma nova economia de plásticos que ajudem a fazer com que o plástico deixe de se tornar em desperdício.
Fisk Johnson, presidente e diretor-geral da SC Johnson
Fisk juntou-se a Dame Ellen MacArthur e Erik Solheim, diretor-executivo do United Nations Environment, para lançar o Global Commitment na 2018 Our Ocean Conference em Bali, Indonésia, em outubro de 2018. Entretanto, já foi assinado por mais de 250 organizações. 

O Global Commitment tem como objetivo identificar as principais causas para a poluição de plástico e criar um “novo normal” para a poluição de plástico. Os seus objetivos iniciais incluíam eliminar as embalagens plásticas problemáticas ou desnecessárias e passar de uma utilização única para modelos de embalagens reutilizáveis; inovar para assegurar que em 2025, 100% das embalagens plásticas possam ser reutilizadas, recicladas ou fertilizadas de forma fácil e segura; e fazer circular o plástico produzido, aumentando de forma significativa as quantidades de plástico reutilizado ou reciclado e transformado em novas embalagens ou produtos.
Dame Ellen MacArthur a lançar o New Plastics Economy Global Commitment na Our Ocean Conference 2018 em Bali, Indonésia.
Dame MacArthur afirmou acerca do programa, “The New Plastics Economy Global Commitment traça um limite, com empresas, governos e outros espalhados pelo mundo, unidos em torno de uma visão clara sobre o que precisamos para criar uma economia circular para o plástico. Este é apenas um passo do que será um percurso desafiante, mas que poderá conduzir a inúmeras vantagens para a sociedade, a economia e o ambiente.”

Na SC Johnson, estamos entusiasmados em ajudar a liderar estes esforços e em manter o trabalho que temos vindo a fazer em relação à reutilização, reciclagem e no plástico. Aqui fica um olhar sobre os nossos esforços até ao momento…
Marcas da SC Johnson como Windex®, Scrubbing Bubbles®, OFF!® e Mr Muscle® possuem recursos dedicados à embalagem dos produtos. Ao longo dos anos, procurámos produzir as nossas embalagens para eliminar o que não é necessário e utilizar alternativas recicláveis sempre que possível.

De 2011 a 2016, eliminámos 8,5 milhões de quilos de materiais das nossas embalagens. Em 2017, reduzimos 1 milhão de quilos adicionais das nossas embalagens plásticas. Um exemplo disso é o nosso ambientador sólido Glade®. Um redesign do produto introduziu um novo recipiente de plástico que é 16% mais leve, funciona melhor e utiliza menos 520 toneladas métricas de plástico por ano. 
 
No nosso negócio SC Johnson Professional, criámos uma garrafa de spray reutilizável, com cartuchos de recarga recicláveis, que encaixam diretamente no dispensador. Cada cartucho concentrado substitui em média 16 garrafas de utilização individual.

Estes são apenas dois exemplos do trabalho que realizamos para minimizar o desperdício.
SUPERIOR : o ambientador sólido Glade® utiliza agora menos 16% de plástico. 
EM BAIXO : as recargas SC Johnson Professional TruShot™ substituem em média 16 garrafas de utilização individual. 
Outra área em que já fizemos progressos na SC Johnson é no design dos nossos produtos para a reutilização. As nossas garrafas de limpeza de consumo doméstico podem aguentar 10 000 vaporizações, o que significa que podem ser recarregadas e reutilizadas, em média, 13 vezes. Os dispensadores de sabonete da SC Johnson Professional são concebidos para durarem sete anos, ao longo de milhares de recargas.

E 100% dos sacos e recipientes da marca Ziploc® são reutilizáveis. Infelizmente, os consumidores poderão não reutilizar os sacos as vezes que são possíveis. Por isso, a marca irá fomentar a reutilização no futuro.
Medimos o nosso sucesso não pelo relatório financeiro do trimestre seguinte, mas pelo mundo que deixamos para a próxima geração.
Fisk Johnson, presidente e diretor-geral da SC Johnson
Acabar em definitivo com o desperdício de plástico vai implicar ainda mais inovação. É por isso que também temos vindo a trabalhar em alterações transversais na nossa indústria. 

Existem certos materiais, tais como a película de plástico com que são feitos os sacos Ziploc®, que não são tão fáceis de reciclar como outros materiais. Não é por não poderem ser reciclados. Eles podem! É porque a indústria ainda não viu utilizações suficientes para os materiais recicláveis para investir nos processos necessários para a reciclagem.

Estamos a trabalhar nessa mudança. Despendemos centenas de horas com especialistas da indústria da reciclagem para procurar perceber melhor as barreiras para a reciclagem e para encontrar soluções para as ultrapassar. 

A maior desculpa contra a reciclagem da película de plástico tem sido a queixa de que não existe um mercado para a película reciclada. Mas provámos que isso está errado ao lançarmos em 2018 sacos do lixo da marca Ziploc® reciclados. São os primeiros sacos do lixo produzidos com 100% de película de plástico reciclada após utilização, incluindo os sacos Ziploc®, recolhidos através de um centro de reciclagem dos E.U.A. 

Provou-se que a película reciclada pode ser reutilizada para valiosos novos produtos e desviados dos aterros sanitários. E estamos a utilizar este facto para construir a reciclagem doméstica de película de plástico nas comunidades dos E.U.A.
SUPERIOR : as recargas concentradas possibilitam a reutilização das garrafas de spray de limpeza doméstica. 
EM BAIXO : os sacos do lixo Ziploc® mostram o valor da reciclagem da película de plástico. 
Outra forma com a qual esperamos alterar consciências é através das nossas recargas concentradas para os produtos de limpeza doméstica. Vendemos recargas e recargas concentradas em diversos mercados durante anos, incluindo recargas experimentais de produtos de limpeza concentrados nos E.U.A. desde 2011. Mas a sua aceitação não tem sido fácil.

No passado, muitos desenvolveram tendências de consumo, como aquelas que nos E.U.A. evitaram o trabalho de ter de recarregar os agentes de limpeza em vez de comprar um novo. Mas com o progressivo aumento da preocupação com o desperdício de plástico, esperamos que esta aceitação comece a aumentar. 

Planeamos continuar a investir em produtos recarregáveis pois podem ser um contributo significativo para a redução do desperdício resultante dos produtos de utilização individual.
Também estamos focados no plástico nos oceanos, uma forma preocupante de poluição que está a afetar ecossistemas um pouco por todo o planeta. Especialistas acreditam que pelo menos 8 milhões de toneladas métricas de plástico por ano vão parar aos oceanos. 

Em 2018, anunciámos uma parceria com a Plastic Bank para financiar oito novos centros de reciclagem na Indonésia. As pessoas que recolhem o lixo lá podem transformar o desperdício de plástico em dinheiro, bens ou serviços. As pessoas que fazem a recolha beneficiam deste projeto de impacto social e o plástico é reciclado para ser utilizado novamente como Social Plastic®. 

O nosso investimento inicial foca-se no combate ao plástico nos oceanos na Indonésia, que tem os mais elevados níveis de biodiversidade marinha do mundo, mas que também enfrenta elevados níveis de poluição de plástico. O país ambiciona uma redução de 70% no desperdício marinho em 2025 e nós estamos entusiasmados por ajudar.
Na SC Johnson ansiamos por um dia em que a poluição de plástico deixe de existir, e uma economia circular faça a gestão da maioria do desperdício mundial. Mas até lá, damos o nosso melhor para a criação de soluções. 

No momento da assinatura do New Plastics Economy Global Commitment o nosso presidente e diretor-geral, Fisk Johnson, disse, “Medimos o nosso sucesso não pelo relatório financeiro do trimestre seguinte, mas pelo mundo que deixamos para a próxima geração. Juntamente com a Fundação Ellen MacArthur e outras organizações mundiais, estamos a assumir compromissos ambiciosos e a adotar ações comuns para criar uma nova economia de plásticos que ajudem a parar o desperdício de plástico.”
O presidente e diretor-geral da SC Johnson, Fisk Johnson (esquerda) fala com Dame Ellen MacArthur e Roberto Ampuero Espinoza, Ministro dos Negócios Estrangeiros do Chile, na assinatura do New Plastics Economy Global Commitment.

Aqui estão as ações que a SC Johnson ambiciona e que estão alinhadas com os princípios essenciais do Compromisso Global:

  • Tornar 100% das embalagens plásticas da SC Johnson recicláveis, reutilizáveis ou compostáveis até 2025. Atualmente, 90% das nossas embalagens plásticas são concebidas para ser recicláveis, reutilizáveis ou compostáveis. 
  • Triplicar a quantidade de conteúdo de plástico reciclado pós consumo (PCR) nas embalagens da SC Johnson até 2025. Vamos aumentar a utilização do plástico reciclado após consumo (PCR) nas embalagens de 10 milhões de quilos para mais de 30 milhões de quilos. Como parte deste esforço, vamos aumentar a percentagem de plástico reciclado após consumo (PCR) que utilizamos nas garrafas da América do Norte e Europa, dos atuais 20% para 40% até 2025.
  • Expandir o número de opções de recargas concentradas para produtos da SC Johnson até 2025. Desde 2011, estamos a produzir recargas de líquido concentrado para garrafas de limpeza doméstica nos E.U.A. Cada garrafa pode aguentar 10 000 vaporizações, o que significa que pode ser recarregada e reutilizada, em média, 13 vezes, evitando a alternativa de utilização individual. Vamos continuar a expandir a nossa variedade de opções de recargas concentradas, possibilitando aos consumidores reutilizar as embalagens e reduzir o desperdício.
  • Continuar a retirar o excesso de plástico onde for possível. A SC Johnson tem estado intensamente focada em eliminar as embalagens desnecessárias dos nossos produtos. De 2011 a 2017, eliminámos 9,5 milhões de quilos de materiais das nossas embalagens.
  • Campeã da reciclagem doméstica de película de plástico. A SC Johnson continuará o nosso esforço de fazer da reciclagem doméstica de películas de plástico flexíveis, como sacos da marca Ziploc®, uma realidade nos E.U.A. A SC Johnson também está a promover a reutilização dos sacos da marca Ziploc®, que são concebidos para ser reutilizados diversas vezes.
  • Trabalhar com a indústria e outras organizações para apoiar modelos circulares da economia do plástico. Vamos trabalhar com a indústria e com ONGs para apoiar a economia circular do plástico no futuro e manter o plástico afastado dos aterros sanitários e do ambiente.

Saiba mais sobre o New Plastics Economy Global Commitment aqui.

PlásticoPlástico nos oceanos: a SC Johnson está a combater a poluição de plástico na Indonésia e a ajudar famílias

Comunicado de imprensaSC Johnson to Launch First-Ever 100% Recycled Ocean Plastic Bottle in a Major Home Cleaning Brand

Comunicado de imprensaSC Johnson Applauds Cleanup Efforts to Combat the Plastic Waste Crisis

Comunicado de imprensaA Wave of Tweets Turns the Tide to Stop Ocean Plastic

Comunicado de imprensaSC Johnson, Plastic Bank Take Action to Solve Ocean Plastic Pollution at GreenBiz 2019

Comunicado de imprensaAn Ocean of Tweets Can Do the Ocean Some Good

Seguinte

Seguinte

Seguinte