um grupo de crianças felizes

A SC Johnson apoia famílias em Ruanda, com mais acesso à assistência médica e à prevenção de doenças transmitidas por mosquitos

Uma parceria da SC Johnson em Ruanda está ampliando o acesso à assistência médica para famílias em regiões rurais e ajudando-as a combater a malária.
A SC Johnson apoiou diversas iniciativas de saúde pública em Ruanda. A mais recente é a construção de 10 postos de saúde em áreas rurais.
Aqui está uma estatística chocante: em 2016, havia 216 milhões de casos de malária em todo o mundo e 445.000 pessoas morreram por causa da doença. A malária mata uma criança com menos de cinco anos a cada dois minutos. Como uma empresa familiar e também como pais, não podemos conviver com essa realidade.

Por isso, trabalhamos todos os dias para ajudar as famílias a se protegerem dos mosquitos que podem transmitir doenças como a malária. Inauguramos nosso primeiro centro de pesquisa de insetos em 1957. Atualmente, o SC Johnson Institute of Insect Science for Family Health é um dos maiores centros de pesquisa privada urbana entomológica do mundo.

Mas, a redução da malária e de outras doenças não tem relação apenas com a causa raiz. Ela também diz respeito ao acesso à assistência médica para tratamentos, quando necessário. É por isso que, em 2018, a SC Johnson iniciou uma nova parceria com o Ministério da Saúde e com a Society for Family Health de Ruanda para aumentar o acesso à assistência médica.

Juntos, estamos a construir 10 novos postos de saúde no Ruanda para ajudar a combater a malária e abordar outras questões de saúde pública.
Com esta parceria público-privada, podemos ajudar o Ministério da Saúde de Ruanda a melhorar o acesso à assistência médica e a enfrentar alguns dos desafios atuais de saúde, incluindo a malária, para melhor atender as comunidades locais.
Fisk Johnson, Presidente do conselho e CEO da SC Johnson
Em conjunto com nossos parceiros, nós da SC Johnson estamos desenvolvendo uma estratégia nacional para lidar com problemas de saúde pública em Ruanda, incluindo a malária, o HIV/AIDS, o planejamento familiar, o acesso à água potável e à nutrição.

A solução para esse plano são os novos postos de saúde que a SC Johnson está ajudando a construir. Agora mesmo, alguém na região rural de Ruanda pode ter que caminhar até três horas para chegar a um posto de saúde. Imagine o quanto uma caminhada dessa é desafiadora, ainda mais quando você já está se sentindo mal.
Um posto de saúde patrocinado pela SC Johnson em Ruanda.
Com essa colaboração, a ideia é reunir líderes acadêmicos, da área da saúde e da iniciativa privada para construir um sistema de saúde mais eficiente e conectado. Os postos de saúde serão administrados pelo Ministério da Saúde e pela Society for Family Health de Ruanda, com a colaboração da SC Johnson.

Anunciando a notícia, a Dra. Diane Gashumba, Ministra da Saúde de Ruanda, explicou: “Os dez postos de saúde nos ajudarão a levar a assistência médica tão necessária às comunidades mais vulneráveis. Isso ajudará a melhorar a saúde geral das famílias e enfrentará imediatamente os desafios da assistência médica, como a malária, em todo o país”.
Para combater especificamente a malária, esta parceria também inclui o desenvolvimento de normas nacionais em todo o país para enfrentar as doenças transmitidas por mosquitos e definir padrões de segurança e eficácia para produtos contra pragas. Estudos mostraram que os repelentes espaciais podem reduzir a frequência da picada e reduzir novas ocorrências de malária.

A intenção ao longo de quatro anos é aumentar o acesso e o uso correto de repelentes de insetos pessoais e espaciais, bem como incentivar mudanças comportamentais que ajudem a reduzir o risco de doenças transmitidas por mosquitos. Essa é uma meta contínua para a SC Johnson, que a empresa também aborda através de seu site educacional sobre mosquitos, com dicas em 14 idiomas.

Como explicou Fisk Johnson, nosso Presidente do conselho e CEO, ao anunciar o esforço, “Com esta parceria público-privada, podemos ajudar o Ministério da Saúde de Ruanda a melhorar o acesso à assistência médica e a enfrentar alguns dos desafios atuais de saúde, incluindo a malária, para melhor atender as comunidades locais. A SC Johnson é líder em pesquisa de insetos e nos dedicamos a ajudar a proteger o bem-estar das pessoas, especialmente contra doenças transmitidas por insetos”.

Saiba mais sobre outras iniciativas que a SC Johnson apoiou para ajudar famílias a terem acesso à educação e a produtos para controle de pragas aqui e aqui.
Uma seção educativa na região rural de Ruanda.

FilantropiaSC Johnson anuncia a doação de $15 milhões para iniciativas que ajudam a proteger famílias ao redor do mundo de doenças transmitidas por mosquitos como o vírus Zika

FilantropiaSC Johnson supera compromisso global de doar US$ 15 milhões para combater doenças transmitidas por mosquitos

FilantropiaSC Johnson doa 25.000 unidades de repelentes OFF!® para a Associação Saúde Criança, no Rio de Janeiro

SaúdeA guerra contra as picadas de mosquito e outras pestes domésticas: proteção, prevenção e educação

Instruções sobre mosquitosA SC Johnson disponibiliza dicas para aplicar repelentes pessoais

FilantropiaSC Johnson dona repelente contra mosquitos e insecticidas para ayudar a las familias en riesgo

Próximo

Próximo

Próximo