um grupo de crianças felizes

A SC Johnson apoia famílias em Ruanda, com mais acesso à assistência médica e à prevenção de doenças transmitidas por mosquitos

Uma parceria da SC Johnson em Ruanda está ampliando o acesso à assistência médica para famílias em regiões rurais e ajudando-as a combater a malária.
A SC Johnson apoiou diversas iniciativas de saúde pública em Ruanda. A mais recente é a construção de 10 postos de saúde em áreas rurais.

Aqui está uma estatística chocante: em 2017, houve 219 milhões de casos de malária em 87 países, e 435.000 pessoas morreram por causa da doença. A malária mata uma criança com menos de cinco anos a cada dois minutos. Como uma empresa familiar e também como pais, não podemos conviver com essa realidade. 

Por isso, trabalhamos todos os dias para ajudar as famílias a se protegerem dos mosquitos que podem transmitir doenças como a malária. Inauguramos nosso primeiro centro de pesquisa de insetos em 1957. Atualmente, o SC Johnson Institute of Insect Science for Family Health é um dos maiores centros de pesquisa privada urbana entomológica do mundo. 

Mas a redução da malária e de outras doenças não tem relação apenas com a causa básica. Ela também diz respeito ao acesso à assistência médica para tratamentos, quando necessário. É por isso que, em 2018, a SC Johnson iniciou uma nova parceria com o Ministério da Saúde e com a Sociedade para Saúde da Família de Ruanda para aumentar o acesso à assistência médica. 

Juntos, estamos fornecendo 50 postos de saúde em todo o país para ajudar a enfrentar a malária e outros problemas de saúde pública. Começamos apoiando 10 postos de saúde em 2018 e anunciamos planos para construir mais 40 em 2019. Isto amplia o acesso aos cuidados de saúde e à educação sobre malária para mais de 200.000 pessoas.

O acesso à educação sobre malária é vital e o acesso à assistência médica em geral é transformador. Estamos muito felizes pela SC Johnson poder ajudar na nossa luta contínua para combater doenças transmitidas por mosquitos e fornecer acesso a uma vida melhor para mais famílias.
Fisk Johnson, Presidente do conselho e CEO da SC Johnson

Em conjunto com nossos parceiros, nós da SC Johnson estamos desenvolvendo uma estratégia nacional para lidar com problemas de saúde pública em Ruanda, incluindo a malária, o HIV/AIDS, o planejamento familiar, o acesso à água potável e à nutrição. 

Uma parte fundamental deste plano são os novos postos de saúde. Antigamente, os moradores da região rural de Ruanda precisavam caminhar até três horas para chegar a um posto de saúde. Imagine o quanto uma caminhada dessa é desafiadora, ainda mais quando você já está se sentindo mal.

Um posto de saúde patrocinado pela SC Johnson em Ruanda.

Agora, muito mais pessoas têm um posto de saúde perto de casa. Eles são administrados pelo Ministério da Saúde e pela Sociedade para Saúde da Família de Ruanda, com a colaboração da SC Johnson.

Anunciando o primeiro posto, a Dra. Diane Gashumba, Ministra da Saúde de Ruanda, explicou: “Os dez postos de saúde nos ajudarão a levar a assistência médica tão necessária às comunidades mais vulneráveis. Isso ajudará a melhorar a saúde geral das famílias e enfrentará imediatamente os desafios da assistência médica, como a malária, em todo o país”.

Para combater especificamente a malária, esta parceria também inclui o desenvolvimento de normas nacionais em todo o país para enfrentar as doenças transmitidas por mosquitos e definir padrões de segurança e eficácia para produtos contra pragas. Estudos mostraram que os repelentes espaciais podem reduzir a frequência da picada e reduzir novas ocorrências de malária.

A intenção é aumentar o acesso e o uso correto de repelentes de insetos pessoais e espaciais, bem como incentivar mudanças comportamentais positivas que ajudem a reduzir o risco potencial de doenças transmitidas por mosquitos. Essa é uma meta contínua para a SC Johnson, que a empresa também aborda em seu site educacional sobre mosquitos, com dicas em 14 idiomas

Como o nosso Presidente do conselho e CEO Fisk Johnson explicou ao anunciar a inclusão de 40 postos de saúde em 2019, “estamos trabalhando continuamente para levar informações educacionais às pessoas e produtos que podem ajudar a protegê-las de doenças transmitidas por picadas de mosquitos. Além de ajudar as famílias locais, essa parceria com o Ministério da Saúde de Ruanda e a Society for Family Health (Sociedade para Saúde da Família) de Ruanda está fornecendo ideias e orientações sobre melhores práticas para ajudar as nossas iniciativas de combater a malária em outros países ao redor do mundo”.

Saiba mais sobre outras iniciativas que a SC Johnson apoiou para ajudar famílias a terem acesso à educação e a produtos para controle de pragas aqui e aqui.

Uma seção educativa na região rural de Ruanda.

SaúdeA SC Johnson apoia famílias em Ruanda, com mais acesso à assistência médica e à prevenção de doenças transmitidas por mosquitos

SaúdeSC Johnson to Support Development of 40 New Health Posts in Rural Rwanda

SaúdeSC Johnson to Support Development of 40 New Health Posts in Rural Rwanda

SaúdeA guerra contra as picadas de mosquito e outras pragas domésticas: proteção, prevenção e educação

SaúdeA guerra contra as picadas de mosquito e outras pragas domésticas: proteção, prevenção e educação

FilantropiaSC Johnson anuncia a doação de $15 milhões para iniciativas que ajudam a proteger famílias ao redor do mundo de doenças transmitidas por mosquitos como o vírus Zika

Próximo

Próximo

Próximo